23 de março de 2011

Re rematch

Entao no dia 9 de Fevereiro eu fui para Bansal Family, eles tinham muitos degraus para ser a familia perfeita de uma au pair, porem na minha situacao eu aceitei ficar com eles. Era apenas uma crianca de 3 anos e eles moravam em Downtown, tudo era perto e facil, tinha carro, estudava todos os dias da semana, em Maio comecaria meu curso de business, porem na ultima segunda-feira a noite, apaguei as luzes e sentei na cama, para conversar com meu namorado. De repente bugs comecaram a se mover de um lado para outro em minha cama! E com a luz da tela do computador eu pude ver. Era a coisa mais nojenta que ja vi na minha vida!!! Na hora levantei, peguei um pedaco de papel higienico e matei eles, eram muito fedidos. No dia eu nao sabia o que eram esses bugs. Eu estava muito cansada, deitei na cama e dormi com as luzes acesas. Acordei varias vezes a noite, procurando por eles, sentindo eles...
Durante a manha, fiz meu trabalho e depois de deixar o menino na escola, voltei para casa e comecei a limpar tudo, ao arrastar minha cama, eu encontrei centenas deles! Na hora, peguei um pano com cloro e passei em todos os ninhos, alguns sairam correndo, porem os que restaram eu matei. Subiu o maior fedo! A parede ficou toda cheia de sangue.
Entao fui correndo ligar para minha mae, enquanto isso falava com meu irmao pelo skype, e falei que nao tinha dormido bem pois tinha encontrado bugs, mas nao sabia que bugs eram esses. Ele me falou que tinha assistido um documentario de uma familia nos estados unidos que teve que se mudar para o jardim pois percevejos tinham dominado a casa deles. Na hora procurei por percejos no google e la estava a foto!! Era igualzinho, li tudo a respeito de percevejos, videos, fotos, documentarios..... Eu tinha certeza que eram BEDBUGS!!!


Na noite daquele dia, falei com meus hosts, eles falaram que eram sim bedbugs, e que eles tambem tinhas aquelas picadas pelo corpo, e que iriam trazer um spray no dia seguinte.
Nessa noite nao consegui dormir, deixei a luz acesa e o radio ligado para que os bugs nao viessem. Nao conseguia deitar na minha cama, fiquei sentada, com os joelhos encolhidos, parecia que eu estava numa ilha, os bugs vinham e eu matava-os.
Naquela manha eu liguei para minha LCC, contei tudo o que havia ocorrido, eu estava desesperada e nao conseguia parar de chorar, nao conseguia descansar, eu sentia aqueles bugs em todo meu corpo, apesar de que nao eh possivel senti-los.
Bom, ela me mandou para um hotel. Fiz minhas malas na varanda, coloquei todas minhas roupas e coisas para fora, limpei tudo.
E foi assim, que num dia chuvoso deixei Pittsburgh. Deixei minhas amigas =///. Deixei os Bugs!

8 comentários:

  1. Nossa que chato...
    Como vc está??
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. xo zica! :/
    u know that nothing happens for no reason..I bet we all end up growing from our experiences, some of tem are good, some aren't..I have my best wishes and my hands always than u need them!
    see u soon Ca

    ResponderExcluir
  4. Creeeedooo parece uma baratitaaa!! Q horror, pude sentir só de ler..Credo.
    E agora menina, como está sua situação?

    bjocas, boa sorte.

    ResponderExcluir
  5. Choquei!
    Como assiiim????
    Nossa, me cocei só de ver seu post!!! Jesuuuuis!!!

    Vou pra NJ tbm!!! Mas vou pra Princeton!!
    To te seguindo e te add lá no meu blog!

    Bjinhos

    ResponderExcluir
  6. Que horroooor menina!!! nunca iriamos imaginar uma situação dessas...
    boa sorte!!

    ResponderExcluir
  7. Nossa! q barra! nao achei aqui q agencia vc estah! passar por rematch jah nao eh facil e ainda encontrar isso! boa sorte para a busca da prox familia e ainda bem q te deixaram ficar num hotel!

    acho q vc nao estah no meu blog, entao se quiser q eu te add lah manda um email (gmail ou yahoo) para eu add no julianagc1989@hotmail.com

    ResponderExcluir

Fiquem a vontade ;))